Teatro Hianto de Almeida: o palco do abandono

Macau – Construído em 2003 na gestão do prefeito José Antônio Menezes, o Teatro Hianto de Almeida foi um símbolo da imponência e beleza da Cultura de Macau. Além de prestar homenagem (com o nome) a um dos mais ilustres macauenses  –  Hianto Ramalho de Almeida Rodrigues – que  tornou-se  referência em todo o país como um dos precursores da Bossa Nova.

teatrocbnews18Se  por alguns anos o Teatro Hianto de Almeida serviu de orgulho para os macauenses devido o seu espaço dedicado à cultura, o mesmo não pode-se dizer agora. O Teatro caiu e com ele um pedaço da Cultura de Macau – na época,  quem administrava a cidade era o prefeito Flávio Veras e nada foi feito para reconstruí-lo.

Já se passaram dez anos e até agora o Hianto de Almeida continua  em ruínas. De acordo com a ex-assessoria de imprensa da Prefeitura de Macau, Kerginaldo Pinto, quando no exercício de prefeito, elaborou  um projeto com intuito  de conseguir recursos para reconstruir o Teatro.

Fotos: CBNews

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *