Macau: “Lideranças” ou parasitas políticos

Alguns dublês de políticos macauenses posam de “lideranças políticas”, mas que na verdade não passam de parasitas da nefasta política macauense. Esses indivíduos não lideram nada e se intitulam para usurpar da administração pública cargos para parentes e aderentes.

O pior que agem como se fossem os donos do voto do povo e em nome dessa atitude desleal tentam se valorizar junto a classe politica.

Em Pauta

PSD – O governador Robinson Faria  do Rio Grande do Norte contou com o apoio de Lula para se eleger. Mas seu filho  Fábio Faria, votou a favor do Impeachment (golpe) contra a presidenta Dilma. Ao Pronunciar o seu voto, Fábio Faria disse que estava votando pela mudança.

Será que Fábio Faria votou por essas s mudanças?

. Acabar com a AGU

. Acabar com o Minha Casa Minha Vida

. Acabar com o  Bolsa Família

. Aumentar a idade mínima para a aposentadoria

. Acabar com o Pronatec, Prouni, Sisu

. Pelo apoio a Eduardo Cunha

. Acabar com o Lava Jato (como tem defendido a cúpula do PMDB em gravações)

. Pela exclusão das mulheres nos ministério

. Pela privatizações

. Pelo pagamento dos cursos de extensão e pós-graduação (mestrado) nas Universidades Públicas (antes gratuitos).

Entre outra arbitrariedades adotadas pelo governo interino de Temer. Portanto, o eleitor deve ficar atento, porque esse político logo, logo deve aparecer em Macau pedindo voto.

Sucessão –  Observa-se que os pré-candidatos a prefeito de Macau em termos de discurso são todos iguais. Isto é, querem o poder pelo poder.

Mas quando se trata de discutir e questionar o que está errado também são todos iguais, pois ignoram realmente os problemas pelos quais afetam a população macauense. Principalmente no tocante a saúde, educação e na falta de geração de emprego e renda.

Previdência Social – Afinal, qual a opinião dos pré-candidatos a prefeito de Macau sobre o Fundo de Seguridade Social de Macau?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *