Maia já discute cargos com aliados em seu governo e cenário pós-Temer

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), está cada vez mais ligado a nomes que fazem oposição a Michel Temer, inclusive dentro do próprio PMDB; em um jantar na companhia dos senadores Renan Calheiros e Kátia Abreu, os maiores críticos de Temer no PMDB, Maia falou abertamente da chance de Temer não sobreviver à segunda denúncia e já discutiu cargos num eventual governo comandado por ele; deputados pró-Maia também participaram do jantar que ocorreu semanas atrás; combinaram que numa gestão do demista, Moreira Franco seria mantido, mas fora do Planalto

247 – O pé atrás do Planalto com o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, aumentou depois de relatos de que o demista participou de jantar na companhia dos senadores Renan Calheiros e Kátia Abreu, os maiores críticos de Temer no PMDB.

No cardápio, regado a vinho, falaram da chance de Temer não sobreviver à segunda denúncia e trataram de cargos num eventual governo Maia. O presidente da Câmara confirma ter participado do jantar na casa da senadora, mas nega que o assunto tenha sido o pós-Temer. “Recomposição [do governo] não tratamos”. Falaram sobre o que? “Jogo do Botafogo”.

Deputados pró-Maia também participaram do jantar que ocorreu semanas atrás. Combinaram que numa gestão do demista, Moreira Franco seria mantido, mas fora do Planalto.

As informações são da Coluna do Estadão.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *